Como vender sem “ser” vendedor

Compartilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Se você buscou por esse termo “como vender sem ser vendedor” ou sentiu interesse no artigo pelo título, provavelmente você é assim:

“Ah, mas eu não sei vender” ou “eu não sou um bom vendedor”

Essas são provavelmente as frases mais ditas por empreendedores que estão com alguma dificuldade em inserir seu produto no mercado ou conseguir novas oportunidades de negócio.

A crença limitante de que nós não somos capazes de executar determinada ação com excelência é o que nos impede de ir além e conquistar aquilo que sonhamos.

Quando o assunto é vendas, as crenças se tornam ainda mais evidentes, mas se pararmos para pensar, nós estamos sempre vendendo, pois constantemente estamos argumentando, seja para defender um ponto de vista ou para explicar uma ideia, por exemplo.

Veja o passo a passo para superar a crença de que você não é capaz de vender:

  • Identifique aquilo que lhe impede de agir. Se preferir, você pode anotar em um papel.
  • Entenda que este pensamento foi algo inconsciente e que não é verdade,
  • Defina os objetivos que você deseja alcançar. Deixe de lado o “eu não consigo” ou “eu não sou capaz”,
  • Substitua a desconfiança pelo “eu posso”, “eu sou capaz”, “eu tenho potencial”,
  • Trabalhe a nova crença diariamente até que se torne um hábito.

Depois de trabalhar e ressignificar a crença limitante, você vai se sentir muito mais seguro para negociar com as pessoas.

Chegou a hora de vender, e agora?

  • Conecte-se com o cliente

Se interessar pelo cliente, buscando entender a história, como ele age e quais são as suas necessidades é essencial para que a pessoa se conecte com você.

Por isso, personalize uma abordagem para cada cliente, de forma que ele se sinta mais confortável e confiante. Tenha bom senso durante o diálogo para não ser invasivo.

  • Saiba ouvir

Falar muito na tentativa de impressionar o prospect não é uma boa ideia. Escute atentamente os problemas, objetivos e dúvidas do cliente. Saber exatamente o que ele quer ajuda você a oferecer as melhores soluções.

  • Tenha empatia

Se coloque no lugar da pessoa para entender a situação. Assim, você vai conseguir encontrar soluções que sejam boas para todos.

  • Seja honesto

Para vender você não precisa enganar o prospect. Muito pelo contrário! Um bom vendedor é aquele que entrega valor real para o cliente.

Durante todo o processo de venda também é importante que você trabalhe para o sucesso do cliente. Essa prática lhe torna um vendedor diferenciado e pode ser o caminho para conquistar novos negócios. Possui algum amigo que está empreendendo, mas que não se considera um bom vendedor? Compartilhe este conteúdo com ele.

Compartilhar

Share on facebook
Share on linkedin
Share on twitter
Share on whatsapp

Artigos Relacionados

Marketing Digital

Lançamento relâmpago

Se a sua marca tem um serviço ou produto, digital ou físico, uma boa lista de e-mail marketing e deseja aumentar as vendas em um

Leia mais >
Nosso site utiliza cookies para melhorar sua experiência de navegação.